segunda-feira, 11 de junho de 2012

CRB: Roberto Lopes e Geovani vivem momentos diferentes após vitória

Depois de mais uma vitória na Série B, 2 a 0 no Atlético Paranaense e consequentemente a reabilitação na competição nacional, o CRB tem dois atletas que foram destaques em 2011, mas que nesta temporada vivem altos e baixos, principalmente no começo do Brasileiro.

No início da Série B, Geovani foi escalado pelo técnico Roberto Fonseca como titular e principal jogador de criação do clube. Porém, na sequencia dos jogos o atleta não mostrou o esperado e acabou sendo substituído pelo jovem Paulo Victor que vem mantendo a posição.

Por outro lado, Roberto Lopes, que desde o Campeonato Alagoano, quando se machucou e perdeu a vaga, vinha sendo preterido, primeiro por Paulo Comelli e também por Fonseca, ganhou a vaga de titular neste jogo contra o Atlético, substituindo Gercimar que cumpria suspensão.

Destaques em 2011, quando o CRB alcançou o vice-campeonato na Série C do Brasileiro e a vaga na Série B, agora, os dois atletas vivem momentos distintos dentro do clube e podem mudar suas situações para os próximos jogos.

Logo após a partida deste sábado, os dois jogadores foram alvos de longas entrevistas das emissoras rádio da capital e mostraram ânimos bem diferentes diante da atual situação no elenco.

Geovani, mostrou uma insatisfação pela reserva, mas admite que isso não irá prejudicar o seu relacionamento diante do grupo e também com o treinador. “Ninguém fica satisfeito com a reserva. Eu sei que posso ser útil no time e essa insatisfação é uma coisa minha, não culpo ninguém por isso. Mas, o time está crescendo e eu quero deixar qualquer tipo de tristeza de lado e acompanhar esse avanço técnico, voltando a ser titular do CRB”, disse o meia.

Se Geovani mostrava tristeza, o mesmo não podia se dizer do volante Roberto Lopes. Há quase dois meses sem atuar como titular, o jogador entrou de primeira, ajudou o CRB e foi eleito por boa parte da imprensa esportiva alagoana como melhor do jogo, além de ser elogiado pela crítica paranaense.
“Eu agradeço demais a confiança da diretoria, da comissão técnica, dos meus companheiros e da torcida. A gente tem muito jogador bom aqui e eu sei o quanto é difícil conquistar essa vaga de titular. Depois desse jogo, eu espero ter sequencia e continuar ajudando o CRB”, afirmou o volante que se mostrava satisfeito com o desempenho.

A posição de volante tem sido concorrida e movimentada na Pajuçara. Atualmente o CRb tem para a posição os atletas Roberto Lopes, Gercimar, Everton Luis e Diego Aragão e a diretoria ainda tenta buscar mais peças de reposição para suprir as carências apontadas pelo técnico Roberto Fonseca.
Fonte: cadaminuto.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Carregando...
Brasileirão