quinta-feira, 26 de julho de 2012

Heriberto deve deixar o ASA e Ruy Scarpino pode ser anunciado

A insatisfação da torcida do ASA com o técnico Heriberto da Cunha e os jogadores chegou ao limite após a quinta derrota consecutiva no Campeonato Brasileiro da Série B. Dessa vez, o time alvinegro foi derrotado em Arapiraca por 1 a 0 para o Góias e aumentou a crise.
Com o apito final do jogo, vários torcedores foram para trás do banco de reservas do onde estava Heriberto e pediram a saída do comandante e de vários jogadores. O meia Didira, considerado um dos maiores ídolos da história recente do ASA, foi duramente criticado, chegando a ser chamado de “pipoqueiro”.

O goleiro Gilson e o atacante Lúcio Maranhão, que já marcou 31 gols na temporada, foram os únicos atletas poupados das vaias e xingamentos.

Como medida inicial, a Assessoria de Imprensa do ASA informou após a partida que não haveria coletiva com os órgãos da imprensa e que reuniões aconteceriam na manhã desta quarta.

Heriberto fora?

De acordo com informações colhidas pelo Minuto Arapiraca, Heriberto da Cunha deverá ser demitido do cargo, assim como alguns jogadores. O número certo de dispensas não foi divulgada, mas especula-se que pelo menos três atletas não permanecerão no time.

A informação dá conta ainda que o técnico Rui Scarpino foi procurado pela direção alvinegra e após a saída de Cunha, se confirmada, deverá assinar com o ASA.

Scarpino tem passagens por vários clubes do Brasil. Só neste ano, o treinador passou pelo Red Bull, Ituano (campeão paulista de 2002), São Bernardo (conquistando o acesso para elite do paulistão) e o Santo André, onde conseguiu livrar o time do rebaixamento.

Antes de se tornar treinador, trabalhou nas funções de treinador de goleiros, auxiliar técnico, supervisor de futebol e gerente de futebol. Ruy Scarpino também dirigiu outros clubes como Grêmio Barueri, Noroeste e Linense, além de clubes do Nordeste, como ABC e Ceará.

Fonte: cadaminuto.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Carregando...
Brasileirão