sexta-feira, 16 de novembro de 2012

CRB emite nota de repúdio sobre declarações de goleiro

O jogo entre CRB e Guarani, que acontece neste sábado, às 15h20(horário de Alagoas), terá todo um clima de tensão. Como se não bastasse a situação das duas equipes, que luta contra o rebaixamento, declarações do goleiro Juliano do Guarani, que atuou elo CB em 2011, irritaram a direção regatiana que divulgou através de sua assessoria, uma nota de repúdio contra o arqueiro rival.
 
Em entrevista a um portal de notícias paulista, o ex-goleiro regatiano, tendo atuado no Campeonato Alagoano e na Série C em 2011, afirmou que o risco de rebaixamento, força o CRB a “armar uma guerra com promoção de ingressos, e até tentar comprar juiz, se for preciso”, palavras do atletas.
 
Diante das fortes declarações do atleta que também passou informações do time para o técnico do “Bugre”, Vilson Tadei, o CRB divulgou uma nota de repúdio, na qual pretende processar o atleta. Confira na íntegra:
 
O Clube de Regatas Brasil, clube de futebol profissional representante do Estado de Alagoas e da região Nordeste no Campeonato Brasileiro da Série B, através de seu presidente executivo Marcos Barbosa, vem, de público, formalizar veemente repúdio as declarações do atleta Juliano da equipe do Guarani publicadas no portal de internet Futebol Interior, as quais coloca em dúvida a idoneidade e conduta dos profissionais responsáveis pela direção do clube alagoano.
 
A matéria publicada no website acima citado é carregada de inverdades e insinuações de grande leviandade. O CRB é um clube de futebol centenário fundado em 1912 e que representa milhões de torcedores não só em Alagoas como em todo país. As palavras deste jogador, que inclusive passou pelo CRB em 2011, são, tão somente, lamentáveis e mentirosas, causando grande ofensa ao povo do Estado como de todo Nordeste brasileiro.
 
Este atleta inclusive fez contato este ano com a direção, pedindo para voltar ao clube, alegando todo profissionalismo exercido com ele referente as condições de trabalho, pagamento de salários em dia e outras obrigações que culturalmente não são prioridades em alguns outros clubes do Brasil.
 
Essa forma de ação visa, tão somente, satisfazer vaidades pessoais, e quer desviar o foco do jogo deste sábado, onde o Guarani vive uma crise de política interna, e em campo apresenta um declínio nas últimas rodadas da competição.
 
Por estas e outras razões, o CRB, apoiado pelos clubes do Nordeste do Brasil nesta Série B, reafirma a sua posição contrária a qualquer declaração que coloque em dúvida suas práticas éticas dentro do futebol e sua maneira de atuar com honestidade e moral dentro de uma competição respeitada e organizada que é o Campeonato Brasileiro.
 
Finalizando, o departamento jurídico do CRB vai ingressar com uma ação de danos morais contra este jogador, que com sua declaração ofensiva e caluniosa, atingiu não só o CRB como todos os clubes do Nordeste. A prática desta direção é de imenso respeito a todos os clubes do sudeste, como de todo Brasil.
 
Fonte: cadaminuto.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Carregando...
Brasileirão