domingo, 29 de setembro de 2013

Hora de partir para cima

É consenso entre os jogadores que a atuação na metade inicial da partida contra o Botafogo, na quarta-feira passada (25.09), foi praticamente perfeita. Neste sábado (28.09), no CT, foi a vez de Léo Moura citar aqueles 45 minutos como exemplo. Para o capitão, entretanto, não pode haver afobação caso o primeiro gol contra o Criciúma, adversário deste domingo (29.09), demore a sair.
 
"Além de repetir a formação em todas as partidas, temos de fazer o que fizemos no primeiro tempo contra o Botafogo, que foi muito bom. Com aquele ritmo, aquela batida. Jogando em casa tem de ser agressivo, mas sem afobar. Temos de repetir aquela atuação", disse.

Como o jogo será realizado no Maracanã, Léo Moura sabe que a torcida comparecerá em peso, apoiará muito, mas também pode cobrar. Além da incômoda 16ª posição na tabela do Brasileirão, alegrar o torcedor rubro-negro é mais um motivo a tornar a vitória sobre o time catarinense fundamental.

"Cobrança é normal, pois o Flamengo vive de vitórias. Ganhando, o clima é outro. Sei como é a pressão. Temos que ter a vitória em casa, ainda mais depois da boa atuação pela Copa do Brasil", falou.
 
Fonte: flamengo.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Carregando...
Brasileirão